A Autenticidade da Bíblia | Evidências Que a Bíblia é Verdadeira

Será que podemos mesmo confiar na bíblia? Teria ela alguma autenticidade? Neste estudo veremos sobre a autenticidade da bíblia e suas evidências.

INTRODUÇÃO | AUTENTICIDADE BÍBLICA

Neste estudo veremos mais sobre a autenticidade da bíblia, tanto em fatores internos (dela mesmo) como fatores externos.
Hoje em dia, em pleno século 21 – querer argumentar que a bíblia é falsa é bem complicado, justamente porque há muitas evidências que ela é verdadeira e sem contar que ela é a maior fonte de conhecimento para vários estudos, como do oriente médio e dos povos antigos.

Vamos analisar agora a sua autenticidade – tanto interno como externo, acompanhe comigo.

EVIDÊNCIAS INTERNAS DA BÍBLIA

A palavra “autenticidade” tem origem no grego “authentês” como significado daquilo que é ” verdadeiro”.
Quando aplicado às Escrituras, o termo indica a autoridade da Bíblia. Nesse sentido, a Bíblia autentica a si mesma (2 Tm 3.16). 

Dentre as evidências internas, destacam -se:

a) Unidade e consistência:

No período aproximado de 1600 anos, a Bíblia foi escrita em dois idiomas principais e um dialeto, por cerca de quarenta pessoas de diferentes classes sociais, em lugares e circunstâncias distintas que abordaram centenas de temas. Apesar de todas essas implicações, o conteúdo bíblico é consistente e os seus escritos se harmonizam formando um todo sem qualquer contradição (Sl 18.30; 33 -4 ).

b) Ação do Espírito Santo:

Por meio da leitura da Bíblia é possível ouvir a voz de Deus agindo como um a espada que “penetra até à divisão da alma e do espírito” (Hb 4.12). 

Como os discípulos no caminho de Emaús, aquele que aceita a mensagem da Palavra experimenta a chama do Espírito arder no coração e passa a compreender o plano da salvação (Lc 24.31,32).

c) Profecias de Eventos:

A exatidão no cumprimento das profecias comprova a veracidade das Escrituras.

As suas profecias foram anunciadas muito séculos antes dos eventos acontecerem com clareza e precisão. Entre tantos eventos, citamos o:

  • nascimento virginal de Cristo (Is 7.14; Mt 1.23);
  • sua morte na cruz (Sl 22.16; Jo 1936);
  • o local da sua sepultura (Is 53.9; Mt 27.57-60);
  • e sua ressurreição (Sl 16.10; Mt 28.6).

EVIDÊNCIAS EXTERNAS DA BÍBLIA (COMPROVANDO A VERACIDADE DA BÍBLIA)

As evidências externas são aquelas que comprovam as narrativas as bíblicas.

Hoje a bíblia é uma das fontes mais confiáveis para tratar de vários assuntos acadêmicos, como estudos do Oriente Médio, História dos povos antigos, a bíblia é usado como base e sem contar que a arqueologia bíblica comprova muitos dos acontecimentos.

Vamos ver alguns pontos que comprovam a veracidade da bíblia – claro, tudo com base nos achados arqueológicos.
LEMBRANDO – Vou só fazer um comentário menor sobre cada achado – depois vocês podem pesquisar a fundo cada um desses itens!

A pedra de Pôncio Pilatos

Enquanto escavavam, em 1961, um teatro construído por Herodes, o Grandes, em Cesareia, em Israel, uma equipe de arqueólogos descobriu uma pedra. 

Ela possuía uma inscrição na lateral com os dizeres: “Pôncio Pilatos, prefeito da Judeia, a dedica”.
Essa foi a primeira evidência física da existência do personagem bíblico.

O Reservatório de Siloé

No livro de João na Bíblia, após curar um cego de nascença, Jesus lava os olhos deste com as águas do Reservatório de Siloé
No entanto,  em 2005, um grupo de encanadores encontrou a reserva de água na Cidade Velha de Jerusalém.

“Encontramos o Reservatório de Siloé exatamente onde João disse que ele estava”, afirma James Charlesworth, especialista no Novo Testamento.

Cidadela da Primavera

Após 20 anos escavando a Cidade de Davi, principal sítio arqueológico de Jerusalém, foi descoberta a fortaleza Cidadela da Primavera”.
“A cidadela foi construída para salvar e proteger a água da Fonte do Giom dos inimigos que queriam conquistar as cidades, bem como proteger as pessoas que queriam beber água e voltar para a cidade”,

Afirma Oriya Dasberg, diretor de desenvolvimento da Cidade de Davi.

Os arqueólogos acreditam que essa é a mesma estrutura conquistada pelo rei Davi em passagem de Samuel e o mesmo local onde Salomão foi ungido rei.

Cavernas de Qumran no Mar Morto

.

Os Manuscritos do Mar Morto são uma coleção de centenas de textos e fragmentos de texto encontrados em cavernas de Qumran, no Mar Morto, no fim da década de 1940 e durante a década de 1950.

Os Manuscritos do Mar Morto são de longe a versão mais antiga do texto bíblico, datando de mil anos antes do que o texto original da Bíblia Hebraica, usado pelos judeus atualmente

A autoria dos documentos é até hoje desconhecida. Com base em referências cruzadas com outros documentos históricos, ela é atribuída
aos essênios, uma seita judaica que viveu na região da descoberta e guarda semelhanças com as práticas identificadas nos textos encontradas.

Post – A Autenticidade da Bíblia | Evidências Que a Bíblia é Verdadeira
Post Relacionado – O que é a Supremacia das Escrituras | Entendendo Autoridade Bíblica
Tags – a veracidade da bíblia, a autenticidade da bíblia, evidências que a bíblia é verdadeira, estudo da bíblia

Tags: | | |

Sobre o Autor

moisesfp
moisesfp

Prazer, meu nome é Moisés Figueiredo. Sou apenas um nerd da tecnologia formado em ciência da computação, tecnologia em marketing e pós graduado em gestão de projetos, e claro - louco por hebraico bíblico e cultura judaica. Criador do curso mais vendido da internet de hebraico bíblico desde 2018, exatamente - Curso Tsade (https://cursotsade.com.br) Basicamente isso, o resto é história...

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.